UGT UGT

Filiado à:


Filiado Filiado 2

NOTÍCIAS

Ex-funcionários do Mappin recebem 2,3 milhões de dívidas trabalhistas


17/01/2022

O Sindicato dos Comerciários de São Paulo realizou, na manhã desta segunda-feira (16) pagamento de R$ 2,3 milhões a ex-funcionários do Mappin. O pagamento referente a dívidas trabalhistas, aconteceu 23 anos após a falência da loja.

Ricardo Patah, presidente do Sindicato ressaltou que foi uma verdadeira tragédia o que ocorreu com o Mappin, mas que o Sindicato nunca desistiu de lutar para reaver os direitos trabalhistas dos trabalhadores.

“No início ninguém acreditava que o Sindicato conseguiria e o resultado veio agora com a entrega desses cheques”, disse Edson Ramos, secretário Geral do Sindicato.

Segundo Andrea Toledo, que foi auxiliar de compras no Mappin, o Sindicato foi ótimo, pois tomou a frente de tudo. “Procurei não contar com esse dinheiro e toquei minha vida, casei, tive filhos e fiz minha faculdade”.

Para Adriana Alves de Brito, que foi do setor de eletro eletrônico e entrou na empresa com 17 anos, o Mappin era referencia em São Paulo, sua falência muito ruim. “Nunca fiquei desamparada pelo Sindicato, na época do Mappin eu usava dentista, médico, a colônia de férias e o clube de campo”.

Paulo do Nascimento, que foi empacotador ressaltou que o sindicato fez bem o seu trabalho, o problema é a lentidão no nosso setor judiciário.

“Eu achei que nunca iria receber esse dinheiro, pois tudo demora no Brasil e o Sindicato, fez o que tinha que ser feito”, disse Maria Inês Telles, que foi coordenadora de merchandising.