UGT UGT

Filiado à:


Filiado Filiado 2
Home | Notícias
Home | Notícias

NOTÍCIAS

Abril Verde


04/04/2018

O Movimento Abril Verde tem como objetivo alertar a sociedade, os órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil sobre a questão da segurança e saúde do trabalhador, a fim de prevenir e reduzir os acidentes e as doenças laborais.

 

A União Geral dos Trabalhadores (UGT) apoia este movimento desde seu início, em 2014.

 

É importante entender que saúde equivale à qualidade de vida e, portanto, envolve questões como salário, moradia, saneamento, educação, alimentação, lazer, meio ambiente e cultura.

 

Dessa forma, ao ter como norte um sindicalismo cidadão, ético e inovador, a Central possui a Secretaria de Saúde e Segurança, um departamento exclusivo para atuar na conscientização tanto dos empregados quanto dos empregadores sobre a importância de se cuidar de vidas, evitando acidentes de trabalho e problemas de saúde – muitas vezes causados até por assédio moral.

 

Além disso, a UGT também possui uma Secretaria voltada exclusivamente ao Trabalho Decente.

 

A Central orienta suas entidades filiadas, espalhadas por todo o Brasil, a fortalecerem o Movimento Abril Verde e exigirem a aplicação das legislações vigentes de promoção e prevenção.

 

“É preciso conscientizar o empregador de que é melhor investir em segurança do trabalho do que ter que arcar, tanto moralmente quanto financeiramente, com um possível acidente que seu funcionário possa sofrer”, esclarece Cleonice Caetano, secretária Nacional de Saúde e Segurança da UGT.

 

O mês de abril é o escolhido para alertar sobre este temas pois, em 1969, um acidente matou 78 trabalhadores em uma mina no Estado da Virgínia, nos Estados Unidos. Isso aconteceu em 28 de abril – data em que, atualmente, é celebrado o “Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho”.

 

Já a cor verde foi determinada por ser considerada, pelos cursos e sinalização de segurança, relacionada à saúde e proteção nos ambientes de trabalho.

 

Segundo dados da OIT (Organização Internacional do Trabalho), divulgados em 2013, 2 milhões de pessoas morrem por ano por conta de doenças ocupacionais no mundo. Já o número de acidentes de trabalho fatais ao ano chega a 321 mil. Neste panorama, a cada 15 segundos, um trabalhador morre por conta de uma doença relacionada ao trabalho.

 

Os dados da OIT colocam o Brasil como 4º colocado no ranking mundial de acidentes fatais de trabalho. No País, são quase 4 mil mortes anualmente em decorrência de acidentes laborais.


Categorizado em: Geral,


logo

UGT - União Geral dos Trabalhadores


Rua Aguiar de Barros, 144 - Bela Vista - São Paulo/SP - 01316-020 - Tel.: (11) 2111-7300
© 2013 Todos os direitos reservados.